Continua após a publicidade.
ad

A Consumer Intelligence Research Partners (CIRP) dos Estados Unidos trouxe à luz que um número recorde de usuários de smartphones Android migrou para o iPhone em 2023.

Segundo o levantamento, cerca de 15% dos novos compradores de iPhone eram usuários do sistema Android, com o iPhone 14 e o iPhone 14 Plus sendo as escolhas mais populares entre os novos convertidos.

Continua após a publicidade..

O interesse nos modelos mais recentes do iPhone, como o iPhone 15, lançado em setembro de 2023, foi ofuscado pelo alto custo, levando os consumidores a optarem por modelos anteriores.

Curiosamente, 10% dos usuários que já estavam no ecossistema iOS decidiram atualizar para o iPhone SE, um modelo que já conta com quatro anos de mercado.

Continua após a publicidade..

Entre os ex-usuários de Android que migraram para o iPhone, os modelos iPhone 14/14 Plus e iPhone 14 Pro/Pro Max foram os favoritos, com 26% e 25% das escolhas, respectivamente.

O iPhone 15 Pro/Pro Max atraiu 12%, enquanto o iPhone 13 foi escolhido por 11%. Notavelmente, o iPhone SE e o iPhone 12 ainda capturam a atenção de muitos, com 10% e 8% da preferência, respectivamente.

A disparidade nas escolhas entre novos usuários vindos do Android e os já estabelecidos no ecossistema iOS pode ser atribuída ao fator preço.

Publicidade

Muitos usuários de Android vêm de um segmento de smartphones mais acessíveis, tornando modelos mais antigos, como o iPhone SE e o iPhone 12, opções mais viáveis financeiramente.

Um aspecto crucial que pode estar influenciando essa migração é a capacidade de revenda dos iPhones.

Comparados aos smartphones Android, os iPhones tendem a manter um valor de revenda mais alto, facilitando a transição para um modelo mais novo.

Esse fenômeno pode ser explicado por vários fatores, incluindo a durabilidade dos dispositivos, o perfil do público consumidor e o valor de mercado dos aparelhos novos.

Graduado em Análise e Desenvolvimento de Sistemas e apaixonado por tecnologia, atualmente trabalho com projetos web e tenho orgulho de ser o idealizador do site Solte a Palavra.