Continua após a publicidade.
ad

As características comportamentais dos cachorros não são completamente herdadas – o que significa que elas não têm relação com a genética ou que dependem da raça, como se imaginava. Apenas 25% dos traços comportamentais são hereditários. Desse modo, escolher um cão que você considera ser mais calmo, carinhoso ou até mais protetor levando em conta a raça como fator principal pode não ser o caminho certo, uma vez que os cachorros têm personalidades que são influenciadas por diversos aspectos, incluindo os ambientais.

Diante disso, escolher um companheiro canino com a personalidade que você deseja parece uma tarefa complicada? Pois bem, uma alternativa, recém criada e com embasamento científico, pode ajudar a encontrar o cachorro perfeito por meio de Inteligência Artificial.

Continua após a publicidade..

Algoritmo de teste de personalidade canina

Um grupo de pesquisadores das universidades de East London e da Pensilvânia colaborou em um estudo financiado pela empresa Dogvatar, uma startup de tecnologia para cães sediados em Miami, Flórida.

Os cientistas, especializados em comportamento canino e Inteligência Artificial, trabalharam juntos para criar um algoritmo de IA que visa simplificar a avaliação de personalidade de cães potenciais de trabalho, um processo tradicionalmente demorado e arriscado.

A ideia por trás do algoritmo de IA é agilizar e melhorar a precisão das avaliações feitas por agências de treinamento de cães, especialmente para funções como auxílio na aplicação da lei (como cães policiais) ou na assistência a pessoas com deficiência.

Continua após a publicidade..

Além disso, a ferramenta também pode ser útil para facilitar a correspondência entre cães e humanos, auxiliando abrigos na colocação adequada dos animais e, assim, reduzindo o número de devoluções devido a incompatibilidades entre os animais de estimação e suas novas famílias.

“Prever tipos de personalidade em cães”

Imagem: Canva

O algoritmo de IA foi desenvolvido com base em informações coletadas a partir de aproximadamente 8.000 respostas ao Questionário de Avaliação e Pesquisa Comportamental Canina (C-BARQ), um instrumento extremamente reconhecido na comunidade de especialistas em comportamento animal.

Por mais de duas décadas, o C-BARQ, composto por 100 perguntas, tem sido considerado uma referência máxima para avaliar as características de possíveis cães de trabalho.

James Serpell, professor emérito de ética e bem-estar animal na Escola de Medicina Veterinária da UPenn, explica que “O C-BARQ é altamente eficaz, mas muitas de suas questões também são subjetivas […] Ao agrupar dados de milhares de pesquisas, podemos ajustar as respostas atípicas inerentes às perguntas subjetivas da pesquisa em categorias como rivalidade entre cães e medo dirigido por estranhos.”

Publicidade

Tipos de personalidade canina

Imagem: Canva

Os resultados do algoritmo de IA de teste de personalidade canina foram publicados na revista Scientific Reports. Eles revelam que o algoritmo criado pela equipe de pesquisa opera em parte agrupando as respostas às perguntas do Questionário de Avaliação e Pesquisa Comportamental Canina (C-BARQ) em cinco categorias principais.

As categorias, por sua vez, são fundamentais para formar uma espécie de “impressão digital” da personalidade atribuída a cada cão avaliado. Os tipos de personalidade, como “excitável/apegado”, “ansioso/medroso”, “indiferente/predatório”, “reativo/assertivo” e “calmo/agradável”, foram identificados e descritos com base na análise dos atributos mais influentes em cada uma dessas categorias.

Para construir esses grupos finais, são considerados pontos de dados que incluem comportamentos específicos, como reagir de forma excitada quando a campainha toca, demonstrar agressividade para cães desconhecidos que visitam sua casa e mostrar interesse em perseguir pássaros, se a oportunidade surgir.

Assim sendo, todos os atributos recebem individualmente um valor de importância. Esse parâmetro diz respeito à relevância do atributo na pontuação que corresponde a cada personalidade de um cão.

Evidentemente, os pesquisadores e a Dogvatar esperam ampliar as pesquisas a partir dos resultados promissores que o algoritmo de IA apresentou. Ademais, há a possibilidade de que novas aplicações sejam incorporadas à ferramenta.

Graduado em Análise e Desenvolvimento de Sistemas e apaixonado por tecnologia, atualmente trabalho com projetos web e tenho orgulho de ser o idealizador do site Solte a Palavra.