Continua após a publicidade.
ad

Com a chegada dos meses mais quentes, muitos brasileiros recorrem ao ar-condicionado para aliviar o calor, porém, a escolha da temperatura ideal é crucial para evitar surpresas na conta de energia. Definir uma temperatura de ar-condicionado que equilibre conforto térmico e consumo consciente de energia pode ser desafiador.

Entender o funcionamento adequado do ar-condicionado é fundamental para otimizar a relação entre conforto e custo. A utilização estratégica do aparelho, aliada a um conhecimento técnico de como ele opera, pode promover uma expressiva economia.

Continua após a publicidade..
ad

Temperatura ideal do ar-condicionado

Ajustar o ar-condicionado para uma temperatura um pouco mais elevada, especialmente quando o ambiente está desocupado ou durante as horas de sono, pode levar a uma redução significativa nos custos de energia elétrica. Um ajuste de 7 a 10 graus para cima enquanto não há ninguém pode cortar até 10% do valor da fatura. Isso limita a operação desnecessária do equipamento.

Continua após a publicidade..
ad
Imagem: Pexels

Especialistas afirmam que configurar o ar-condicionado em torno de 25ºC pode ser benéfico tanto para o conforto térmico quanto para a economia no orçamento. A partir deste ponto, pode-se diminuir a temperatura gradativamente, se necessário, observando que cada diminuição de um grau pode elevar o consumo energético em cerca de 5%. Portanto, você deve procurar um ponto de equilíbrio entre bem-estar e economia, levando em conta fatores como umidade, número de pessoas no ambiente e incidência de luz solar.

Publicidade
ad

Muitos acreditam que baixar ao máximo a temperatura do ar-condicionado resfria o ambiente mais rápido. Isso, contudo, não torna o equipamento mais eficaz e pode elevar o consumo de energia. Recomenda-se ajustar o aparelho para uma temperatura confortável, evitando excessos. Temperaturas muito baixas fazem o dispositivo trabalhar mais que o necessário, elevando os custos de energia sem melhorar o resfriamento.

Outras formas de economizar a energia

Uma das formas mais eficazes de economizar a energia é substituir o ar-condicionado por outros métodos de resfriamento. E pode ser mais simples do que parece. Veja a seguir algumas dicas.

O isolamento térmico da casa é uma das melhores estratégias para economizar energia no resfriamento. Imagem: Getty Images
  • Uso de ventiladores e climatizadores: ventiladores de teto e portáteis são opções mais econômicas para manter o ambiente fresco, consumindo menos energia do que o ar-condicionado. Climatizadores evaporativos também podem ser uma alternativa eficaz em regiões mais secas.
  • Isolamento térmico: melhorar o isolamento térmico de sua casa pode manter o ambiente interno mais fresco no verão e mais quente no inverno, reduzindo a necessidade do uso constante de sistemas de climatização.
  • Plantio de árvores e vegetação: o plantio de árvores e outras plantas ao redor da casa pode proporcionar sombra e reduzir a temperatura interna, diminuindo a dependência do ar-condicionado.
  • Pintura reflexiva e telhados claros: usar pintura reflexiva e optar por telhados de cores claras podem refletir a luz solar, mantendo a casa mais fresca.